Kulula, a cia. bem humorada!

Durante a última semana, recebi um email falando da cia. aérea Kulula Airlines e lembrei de ter visto essa empresa quando estava na África do Sul, durante a Copa de 2010, quando procurava voos para ir ao jogo do Brasil… pena que não voei com ela…

A Kulula é uma cia. de baixo custo da África do Sul e, por conta de suas cores e brincadeiras nos próprios aviões, além da forma como se relaciona com seus clientes, parece não se levar muito a sério, mas pelo menos deixa as viagens dos clientes mais alegres e bem humoradas!

Este slideshow necessita de JavaScript.

As aeromoças da Kulula fazem um grande esforço para tornar a “palestra sobre segurança de voo” e outros anúncios um pouco mais divertidos. Veja alguns exemplos reais que foram relatados por passageiros:

Em um voo da Kulula, (não há assentos marcados, você pode sentar onde quiser) alguns passageiros, aparentemente, estavam demorando muito tempo para escolher um lugar, quando uma aeromoça falou: “Gente, gente, não estamos escolhendo móveis aqui, encontrem um lugar e sentem nele!”

Em outro voo com uma tripulação de bordo muito “sênior”, o comandante disse: “Senhoras e senhores, chegamos à altitude de cruzeiro e iremos apagar as luzes da cabine. Isto é para o seu conforto e para melhorar a aparência das atendentes de seu voo.”

No desembarque, a aeromoça disse: “Por favor, não se esqueçam de levar todos os seus pertences… Se forem deixar alguma coisa, por favor, certifiquem-se de que é algo que nós gostaríamos de ter”.

Depois de uma aterrissagem particularmente áspera durante uma tempestade em Karoo, uma aeromoça anunciou: “Por favor, tomem cuidado ao abrir os compartimentos acima de suas poltronas, porque, depois de uma aterrissagem assim, com certeza tudo mudou”.

De um tripulante da Kulula: “Bem-vindo a bordo do voo Kulula 271 para Port Elizabeth. Para utilizar o cinto de segurança, insira a guia de metal na fivela e puxe. Ele funciona como qualquer outro cinto de segurança. E, se você não sabe como operar um, você provavelmente não deveria estar fora, em público, sem ajuda”.

“No caso de uma súbita despressurização da cabine, máscaras cairão do teto. Pare de gritar, pegue sua máscara e ajuste-a sobre o rosto. Se você tem uma criança pequena viajando com você, ponha sua máscara antes de ajudar com a dela. Se você estiver viajando com mais de uma criança pequena, ponha primeiro no seu preferido.. 

“Seus assentos podem ser usados para flutuação e, no caso de um pouso de emergência na água, por favor, remem para a praia e levem-os com os nossos cumprimentos.”

“Ao sair da aeronave, certifique-se de que está levando todos os seus pertences. Qualquer coisa deixada para trás será distribuída uniformemente entre os comissários de bordo. Por favor, não deixe crianças ou cônjuges…”

E do piloto durante a sua mensagem de boas vindas: “Kulula Airlines tem o prazer de anunciar que temos alguns dos melhores atendentes de voo existentes. Infelizmente, nenhum deles está neste voo!”

Depois de uma aterrissagem muito difícil na Cidade do Cabo, uma aeromoça veio ao interfone e disse: “Isso foi bastante acidentado e sei o que vocês estão pensando. Estou aqui para lhes dizer que não foi culpa da companhia aérea, não foi culpa do piloto, não foi culpa do comissário de bordo, foi o asfalto”.

Ouvi em um voo da Kulula para Cape Town, em um dia particularmente ventoso e com turbulência, quando, durante a aproximação final, o capitão realmente teve que lutar contra isso. Após um pouso extremamente difícil, a aeromoça disse: “Senhoras e senhores, bem-vindos à nossa cidade-mãe. Por favor, permaneçam em seus lugares com os cintos afivelados, enquanto o Capitão “taxeia” o que restou do nosso avião até o portão de desembarque!”

Depois de um pouso realmente demolidor em Johanesburgo, a comissária se saiu com esta: “Senhoras e senhores, por favor, permaneçam em seus assentos até o Capitão Porrada e sua tripulação levarem a aeronave a um ponto próximo da área de desembarque. E, logo que a fumaça dos pneus se dissipar e as sirenes de alerta silenciarem, vamos abrir a porta da aeronave e todos poderão escolher o seu caminho para o terminal através dos destroços…”

Ouvi em um voo da Kulula: “Senhoras e senhores, se quiserem fumar, a área de fumantes deste avião é nas asas… Se puderem acender os cigarros lá, então poderão fumá-los”.

Um piloto relatou que, num voo em particular, o pouso tinha sido muito difícil. A companhia aérea tinha uma política que exigia que o primeiro oficial ficasse à porta da aeronave enquanto os passageiros saíam, para sorrir e dizer “Obrigado por voar na nossa companhia aérea”. Ele disse que, devido à sua aterrissagem ruim, ele teve dificuldade de olhar os passageiros nos olhos, pensando que alguém faria um comentário inteligente. Finalmente todos tinham saído, com exceção de uma velhinha andando com uma bengala. Ela disse: “Senhor, você se importaria se eu lhe fizer uma pergunta?” “Ora, não senhora”, disse o piloto. “Qual é a pergunta?” A velhinha disse: “Será que nós pousamos ou fomos derrubados?”

Alguém aí já voou de Kulula?

Na minha próxima ida à Africa do Sul, quero experimentar essa aventura!

Anúncios

~ por Daniel Thompson, o Mochileiro das Maravilhas em 22 novembro 2011.

Uma resposta to “Kulula, a cia. bem humorada!”

  1. Muiiito bom este post! Estou louca para voar Kulula Air!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s